Category

uncategorized

uncategorized

É PRIMAVERA!


Lindas de ver, muitas flores também têm sabor delicioso. São as tais espécies comestíveis, que emprestam gosto e perfume suaves a saladas, doces e salgados, e incrementam o visual dos pratos. Diferentes chefes asseguram: flores comestíveis dão uma nota especial no paladar e na decoração de qualquer prato. De maneira geral, as flores comestíveis têm sabor suave e não comprometem as características dos demais ingredientes. Já suas cores emprestam uma grande beleza na montagem dos pratos.
Mas não vá se aventurar pelo jardim colhendo os mais belos exemplares para enfeitar suas saladas e outras iguarias. Saiba que nem todas as flores podem ser usadas na alimentação. Muitas, mesmo não sendo cultivadas com agrotóxicos, apresentam princípios que podem ser perigosos para a saúde. O prudente, então, é apostar nas mais conhecidas. Entre elas estão capuchinha, lavanda, amor-perfeito, calêndula, borago, rosa, viola-odorata, alecrim e as flores da abóbora, do manjericão e do tomilho. Todas são lindas e saborosas em saladas, pratos quentes e sobremesas, no entanto algumas requerem certos cuidados. No caso da calêndula, por exemplo, devem ser aproveitadas apenas as pétalas, pois o talo é muito duro para ser ingerido. Outra recomendação importante: Extremamente sensíveis, as flores devem ser adicionadas ao prato apenas na hora de servir, pois o calor do alimento as faz murchar, assim como o tempero da salada.
Sempre frescas
Supermercados de primeira linha vendem bandejinhas de 20 a 60 gramas dessas espécies comestíveis prontas para uso. Compre somente as fornecidas no mesmo dia pelo produtor e conserve em refrigerador. Caso contrário, elas perdem o viço e as pétalas se enchem de pintinhas escuras.
Há também a possibilidade de você mesmo cultivá-las. Elas são muito fáceis de plantar e manter, sem falar na resistência ao sol e ao vento, o que as torna perfeitas até em terraços de apartamento. Para tanto, use vasos com no mínimo 20 cm de altura, furados na parte inferior. Dentro deles, espalhe uma camada de pedriscos, depois areia e, por cima, terra. Tire a muda do saquinho, centralize no vaso e pressione o torrão de forma que a parte florida fique um dedo acima da borda do recipiente. Escolha um local que receba sol pelo menos quatro horas por dia e regue diariamente.
Dicas e cuidados para usar flores no prato:

  • As flores devem ser lavadas com cuidado para não rasgar. Evite colocá-las sob o jorro forte da torneira.
  • Lave-as em uma bacia de água fria, retirando depois o excesso de água.
  • Use flores frescas sobre saladas ou no canto de pratos para decoração. Se colocadas sobre ingredientes quentes, elas murcham rapidamente.
  • Conserve as flores dentro da geladeira, nas prateleiras do meio. Assim, não correm o risco de congelar.
  • As flores frescas podem ser guardadas durante uma semana dentro da geladeira.
  • Não utilize flores que tenham sido cultivadas com agrotóxicos ou de vasos decorativos. Nem todas as flores são comestíveis. Prefira espécies procedentes de horta orgânicas.
  • Explore a criatividade, as flores comestíveis são muito decorativas e dão ar festivo a simples saladas e acabamento elegante em qualquer prato.
  • Use as flores também com galhinhos de ervas, em travessas de legumes ou carnes.
uncategorized

Bife à Parmegiana


Ingredientes:
800g de bife de coxão mole
3 dentes de alho picados
Sal a gosto
Pimenta-do-reino a gosto
2 xícaras (chá) de farinha de trigo
3 ovos batidos
4 colheres (sopa) de leite
3 xícaras (chá) de farinha de rosca
Óleo, o suficiente para fritar os bifes
200g de queijo tipo mussarela
Molho:
3 colheres (sopa) de azeite de oliva
1 cebola média ralada
3 xícaras (chá) de molho de tomate
1 pitada de açúcar
Sal a gosto
½ xícara (chá) de salsinha picada
Preparo:
Tempere os bifes com o alho, o sal e a pimenta-do-reino. Reserve.
Misture bem em uma tigela os ovos e o leite.
Passe cada bife temperado na farinha de trigo e, em seguida, na mistura dos ovos com leite e na farinha de rosca. Frite-os no óleo quente até que estejam dourados. Reserve.
Molho:
Em uma panela, aqueça o azeite e refogue a cebola. Acrescente o molho de tomate, o açúcar, o sal e deixe apurar por mais 10 minutos no fogo médio. Desligue o fogo, acrescente a salsinha e misture.
Montagem:
Coloque os bifes em um refratário, despeje o molho por cima e coloque as fatias de queijo.
Leve ao forno médio (180ºC) pré-aquecido por cerca de 10 minutos.
Sirva com uma boa salada de tomates, fritas e arroz branquinho. Vai ser sucesso na certa!

Post Relacionado
Coquetel com pétalas de rosa
27/09/2020
Salada de Alcachofra
03/09/2020
Filé ao Molho Madeira
18/08/2020
Lanches, uncategorized

Empadinha de Palmito

Ingredientes:
Massa

500 g de maionese
500 g de farinha de trigo
3 gemas para pincelar
Recheio
300 g de palmito picado
1 cebola picada
1 colher (sopa) de margarina
1/2 cubinho de caldo de legumes
1/2 xícara (chá) de leite
2 colheres (sopa) de farinha de trigo
Sal e pimenta-do-reino a gosto
Preparo:
Massa

Ponha a maionese em uma tigela e junte com as mãos a farinha de trigo até obter uma massa tipo podre (ela fica esfarelada). Reserve na geladeira coberta.
Recheio
Refogue a cebola na margarina até ficar macia. Junte o palmito picado e cozinhe por cinco minutos. Dissolva o cubinho de legumes no leite e despeje na panela. Junte a farinha e cozinhe sem parar de mexer até engrossar. Corrija o tempero e deixe esfriar.
Forre as laterais de forminhas para empada com a massa e ponha o recheio. Nas palmas das mãos modele pequenos discos com a massa e feche as empadas. Pincele com as gemas e leve ao forno médio preaquecido até dourar.
Dica: se desejar dissolva as gemas em um pouco de leite para pincelar

Post Relacionado
Gazpacho
06/10/2020
Ajoblanco
06/10/2020
Coquetel com pétalas de rosa
27/09/2020