Tag

curiosidade

Dicas

CHURRASCOS

CHURRASCOS
A previsão para o fim de semana é de sol e calor? Quer cenário melhor para organizar um churrasco?
Há milênios, o homem aprendeu a assar os animais que caçava e descobriu que a carne feita dessa maneira é muito saborosa!
Antigamente fazer churrasco era cansativo e até mesmo considerado deselegante; na verdade, admite certa informalidade mas não deve ser confundida com desleixo. Os convidados merecem ser recebidos com conforto e num ambiente agradável. Além das flores, boas alternativas são os arranjos com legumes, frutas, pimentas ou temperos. Sobre uma mesa ou aparador, coloque os pratos, talheres, copos e guardanapos; pequenos pesos ou prendedores enfeitados com flores ou fitas, evitam que as toalhas voem com o vento E finalmente, é bom saber que os churrascos vão muito além de grelhar bifes e lingüiças.
Lista de compras para churrasco:
 Carnes (calcular aproximadamente 400 gramas por pessoa. Para crianças, conte 200 gramas);
 Sal grosso;
 Carvão;
 Álcool;
 Gelo;
 Bebidas com e sem álcool (o ideal é 1 litro e meio por convidado);
 Água (1 litro por pessoa);
 Descartáveis;
 Guardanapo;
 Papel alumínio;
 Sacos de lixo;
 Acompanhamentos (vinagrete, farofa, pão, arroz, pimenta, maionese e o que mais desejar. Calcule 400 gramas de comida por pessoa, sem contar a carne);
 Itens para banheiro (papel higiênico, toalha e sabonete líquido);
 Material de limpeza.

Cálculo por pessoa: Algumas pessoas comem até 1 kg de carne, porém, outros se satisfazem com apenas 250 g. Portanto calcule 400 g por pessoa (no caso de adultos), é a conta certa para nunca faltar.
Mas toda regra tem exceções, portanto, quanto maior a variedade de carnes servida, maior deve ser a quantidade por tipo, para não haver o risco de faltar quando várias pessoas optarem por um tipo de corte.
Sendo mais prático, se optar por: lingüiça fresca, costela de porco e uma carne de boi, a conta por pessoa será: 100 g de lingüiça, 200 g de costela de porco (seria 100 g, mas, como metade é osso, calcule o dobro) e 200 g de picanha, por exemplo. Total: 400 g .
Se optar por uma quantidade maior: lingüiça fresca, asa de frango e costela de porco, seguidos de picanha, maminha, fraldinha e costelas de cordeiro. Vamos às contas: 60 g de lingüiça, 100 g de asa de frango (metade osso), 100 g de costela de porco (metade osso), 150 g de picanha, 100 g de maminha, 100 g de fraldinha e 200 g de costela de cordeiro (metade osso e perdas). Total: 710 g, considerando tudo, sem as perdas dos ossos.

Post Relacionado
Pescados

Churrascos : Namorado e camarões Defumados

Churrascos : Namorado e camarões Defumados
(6 porções)
Ingredientes:

1 k de filé de namorado
12 camarões rosa – 21 – limpos
60 g de sal fino
30 g de açúcar refinado
1 colher de chá de cravo em pó
1 colher de chá de louro em pó
1 colher de chá de cebola em pó
1 colher de chá de pimenta da Jamaica em pó
Preparo:
Misture o sal, o açúcar, as especiarias e cubra os pescados. Deixe curar por 15 min.
Retire a cura, lave os pescados sob água fria e deixe-os secarem descobertos sob refrigeração. Proceda então, a defumação.
Defumação:
Ingredientes:

300 g de arroz longo
50 g de açúcar refinado
50 g de gengibre em pó ou fresco ralado
1 colher de chá de canela em pau
1 colher de chá de anis estrelado
1 colher de chá de sementes de erva-doce
1 colher de chá de estragão seco
Preparo:
Aqueça uma panela e torre o açúcar, o arroz e as especiarias até começar a subir uma fumaça branca e espessa
Coloque imediatamente a grelha na panela e disponha os filés já temperados sobre ela
Tampe e defume em fogo baixo por 3 a 5 min.
Retire os pescados e descarte a mistura da defumação.
Sirva com os acompanhamentos de sua preferência.
Acompanhamentos Sugeridos:
Ovos cozidos
Pão de forma preto
Mostarda escura
Dill fresco
Salsinha picada
Cebola picadinha
Pepino Caipira
Creme de leite fresco batido
Limão

Post Relacionado
Acompanhamentos

Vegetais Variados na Grelha

Vegetais Variados na Grelha
(6 porções)
Ingredientes:

1 berinjela cortada em fatias de 1 cm.
Sal
1/3 de xícara de azeite
6 tomates pequenos cortados ao meio
6 cebolinhas com as pontas aparadas
1 pimentão amarelo sem sementes e cortado em quatro
1 pimentão vermelho sem sementes e cortado em quatro
2 abobrinhas cortadas horizontalmente em fatias de 5 mm.
1 colher de sopa de vinagre de estragão
1 colher de sopa de mel
125 gr. de cogumelos grandes
1 colher de chá de óleo de gergelim
1 pão tipo baguete ou bengala cortado em fatias de 1 cm.
1 dente de alho cortado ao meio
Preparo:
Aqueça a churrasqueira em ponto médio. Coloque a berinjela em uma peneira, salpique o sal e deixe escorrer por 30 min. Lave em água fria corrente e seque com papel absorvente. Pincele-as com azeite.
Coloque os seguintes ingredientes em tigelas separadas:
Tomates, cebolinhas, vinagre de estragão e uma colher de sopa de azeite, em uma;
Pimentão amarelo, pimentão vermelho, abobrinha, vinagre balsâmico e mel , em outra;
Cogumelos e óleo de gergelim na terceira.
Mexa até misturar. Esfregue o alho no pão cortado e pincele azeite.
Coloque os ingredientes sobre a grelha levemente untada e asse, virando de vez em quando, por 5 a 10 min.
Sirva acompanhado por Tahine, Pesto ou Molho adocicado de pimenta. Para uma apresentação deliciosa e simples, borrife vinagre balsâmico e ervas frescas picadas.
Sobremesas:
As sobremesas devem ser leves e fáceis de preparar. Sirva frutas, saladas de frutas, sorvetes com frutas, gelatinas ou mousses.

Post Relacionado
Doces e Sobremesas

Raspadinha de Melancia:

Raspadinha de Melancia:
(6 porções)
Ingredientes:

½ xícara de açúcar
2/3 de xícara de água
750 gr. de melancia sem sementes e sem casca, picada
1 colher de sopa de suco de limão
Preparo:
Coloque o açúcar e a água em uma panela pequena em fogo baixo até que o açúcar dissolva. Ferva por mais 4 min., retire e reserve até esfriar.
Coloque a melancia em um processador de alimentos ou liquidificador, até obter uma pasta lisa.
Acrescente ao purê de melancia, o suco de limão e a calda de açúcar. Despeje em um recipiente que possa ser levado ao congelador e após uma hora, retire, mexa com um garfo para quebrar os cristais de gelo e volte ao congelador por mais 2 hs. Para servir, mexa novamente com um garfo e sirva em taças individuais. Para um toque especial, coloque uma colherada de licor de morango ou framboesa sobre a raspadinha.

Post Relacionado
CHURRASCOS
22/01/2020
Churrascos : Namorado e camarões Defumados
22/01/2020
Vegetais Variados na Grelha
22/01/2020
Aves

Frango Tampado


Frango Tampado
(6 porções)
Ingredientes:

1,5 kg de frango limpo
125 g de manteiga amolecida
1 dente de alho amassado
2 colheres de sopa de cebolinha fresca picada
2 colheres de sopa de salsinha fresca picada
1 colher de sopa de azeite
8 fatias de presunto cru ou cozido sem gordura
1 xícara de vinho branco
Preparo:
Aqueça a churrasqueira no ponto médio. Lave o frango por dentro e por fora e seque com papel de cozinha.
Coloque a manteiga, o alho, a cebolinha e a salsinha em uma tigela e mexa até misturar. Com os dedos vá soltando a pele do frango e empurrando a mistura de manteiga para baixo da pele e aperte para espalhar uniformemente.
Coloque as fatias de presunto entrelaçadas sobre o peito do frango e prenda-os com palitos. Despeje o vinho sobre o frango, coloque a grelha com a assadeira sobre a churrasqueira, tampe e cozinhe por uma hora e meia ou até estar macio.Cubra e deixe descansar por 10 min. Antes de cortar.

Post Relacionado
Curiosidades

NATAL

NATAL
(Fonte:Wikipédia)

O Natal é uma das festas mais importantes do cristianismo, junto com a Páscoa e o Pentecostes.
A festa é celebrada no dia 25 de Dezembro pela Igreja Católica Romana, pela Igreja Anglicana e por alguns grupos protestantes e no dia 7 de Janeiro pela Igreja Ortodoxa.
Origem do termo
Do latim ‘natális’, derivada do verbo ‘nascor, nascéris, significando nascer, ser posto no mundo. Como adjetivo, significa também o local onde ocorreu o nascimento de alguém ou de alguma coisa. Como festa religiosa, o Natal, comemorado no dia 25 de dezembro desde o Século IV pela Igreja ocidental e desde o século V pela Igreja oriental, celebra o nascimento de Jesus.
De “natális” deriva também “natureza”, o somatório das forças ativas em todo o universo.
Aspectos históricos
No ano 245 d.C., o teólogo Orígenes repudiava a idéia de se festejar o nascimento de Jesus “como se fosse um Faraó”. Há inúmeros testemunhos de como os primeiros cristãos valorizavam cada momento da vida de Jesus Cristo, especialmente sua Paixão e Morte na Cruz. No entanto, não era costume na época comemorar o aniversário e, portanto não sabiam que dia havia nascido o seu Senhor. Os primeiros testemunhos indicam datas muito variadas, e o testemunho direto que afirma que Jesus Cristo nasceu no dia 25 de Dezembro é de Sexto Júlio Africano, no ano 221. De acordo com o almanaque romano, a festa já era celebrada em Roma no ano 336 d.C.. Na parte Oriental do Império Romano, comemorava-se em 7 de janeiro o seu nascimento, ocasião do seu batismo, em virtude da não-aceitação do Calendário Gregoriano. No século IV, as igrejas ocidentais passaram a adotar o dia 25 de dezembro para o Natal e o dia 6 de janeiro para Epifania (que significa “manifestação”). Nesse dia comemora-se a visita dos Magos. A celebração do Natal de Jesus foi instituída oficialmente pelo Papa Libério, no ano 354 d.C. A Igreja entendeu que devia cristianizar as festividades pagãs celebradas pó vários povos no solstício de Inverno. Portanto, segundo certos eruditos, o dia 25 de dezembro foi adotado para que a data coincidisse com a festividade romana dedicada ao “nascimento do deus sol invencível”, que comemorava o solstício do Inverno. No mundo romano, a Saturnália, festividade em honra ao deus Saturno, era comemorada de 17 a 22 de dezembro; era um período de alegria e troca de presentes. O dia 25 de dezembro era tido também como o do nascimento do misterioso deus persa Mitra, o Sol da Virtude. Assim, em vez de proibir as festividades pagãs, forneceu-lhes um novo significado, e uma linguagem cristã. As alusões dos padres da igreja ao simbolismo de Cristo como “o sol de justiça” (Malaquias 4:2) e a “luz do mundo” (João 8:12) revelam a fé da Igreja n’Aquele que é Deus feito homem para nossa salvação.

Post Relacionado
CHURRASCOS
22/01/2020
Churrascos : Namorado e camarões Defumados
22/01/2020
Vegetais Variados na Grelha
22/01/2020
Pães , Tortas e bolos

Bolo Bola de Natal

Bolo Bola de Natal
Ingredientes:

30g de gengibre em pó
500g de melado
125g de manteiga sem sal
60g de açúcar mascavo
30g de casca de laranja cristalizada
2 ovos batidos
500g de farinha de trigo
1 colher de café de bicarbonato
200 ml de leite
Forma de meia-bola ou da embalagem do queijo bola
Para o Marzipã:
1 clara
250g de amêndoas sem pele
250g de glaçúcar
5 gotas de essência de amêndoas
Anilinas comestíveis coloridas
Preparo:
Bolo

Coloque o melado, a manteiga e o açúcar numa panela e leve ao fogo baixo até dissolverem por completo. À parte misture os ovos com a laranja. Coloque a farinha, o gengibre e o bicarbonato numa vasilha e acrescente aos poucos a mistura de ovos alternando com a de melado; por último junte o leite para obter uma massa líquida. Despeje a massa nas duas formas untadas e asse em forno pré-aquecido a 180° por 45 min. Desenforme e deixe esfriar sobre uma grelha.
Marzipã
Bata no liquidificador as amêndoas com o glaçúcar, a clara e a essência de amêndoas; caso fique muito consistente, acrescente outra clara. Divida a massa em 3 partes, tinja com anilina verde, a outra parte com vermelha e deixe a terceira natural. Abra a massa branca sobre um mármore polvilhado, corte um círculo e deixe as pontas sinuosas. Coloque sobre o bolo; abra a massa verde e faça folhinhas e com a vermelha, as bolinhas; aplique.

Post Relacionado
Pães , Tortas e bolos

Bolo Bola de Neve

Bolo Bola de Neve
Massa:

250g de mel líquido aquecido em banho-maria
3 ovos grandes ou 4 médios
175g de farinha de trigo
1 colher de café de fermento em pó
Formas de ½ bola
Glacê
1 clara
Açúcar de confeiteiro
Gotas de limão
Preparo:
Massa

Bata o mel ainda quente até ficar espumoso e vá juntando os ovos, a farinha e o fermento. Asse em forno preaquecido a 190° por 20 min. Desenforme e conserve em lata hermeticamente fechada por alguns dias antes de servir.
Glacê
Prepare batendo as claras em neve e acrescente o açúcar aos poucos até o ponto de suspiro mole, junte o limão ao bater. Cubra o bolo e com o auxílio de uma colher, levante picos do glacê.

Post Relacionado
Pães , Tortas e bolos

Bolo Árvore de Natal

Bolo Árvore de Natal
Ingredientes:
Massa
8 ovos
250g de açúcar
150g de nozes moídas
4 colheres de sopa de farinha de rosca
2 colheres de sopa de fermento em pó
200g de tâmaras moídas
Forma n°3 retangular
Recheio
250g de ameixas pretas sem caroço
2 xícaras de chá de água
1 xícara de chá de açúcar
1 colher de sopa de amido de milho
1 cálice de vinho do porto
Cobertura
1 copo de açúcar
½ copo de água
1 pacote de gelatina incolor
Glaçúcar
Anilinas vermelha, marrom e verde
Confeitos prata
Preparo:
massa
Prepare duas receitas de massa e asse em dois tabuleiros
Bata as gemas com o açúcar até formar um creme esbranquiçado; junte as tâmaras, as nozes e a farinha já misturada ao fermento batendo bem até obter uma massa homogênea. Bata as claras em neve e junte à mistura anterior delicadamente. Leve para assar.
Recheio
Ferva a ameixas com água, passe por uma peneira e junte os ingredientes restantes; leve ao fogo mexendo de vez em quando até obter uma pasta. Corte os bolos ao meio e recheie com o creme de ameixas. Modele o bolo em triângulo com uma árvore de Natal.
Cobertura
Leve ao fogo o açúcar e a água até obter uma calda em ponto de fio. Dissolva a gelatina num pouco de água morna, misture bem e acrescente o glaçúcar até obter uma massa que possa ser aberta com rolo. Separe um pouquinho e tinja de vermelho, tinja o restante de verde. Cubra o bolo com o glacê real e cole as folhas verdes modeladas, deixando espaço para o tronco. Modele a estrela na massa vermelha e coloque na ponta da árvore. Faça o tronco com glacê real marrom e bico pitanga 15; faça a neve com glacê branco e bico perlê 5, completando com confeitos prata (opcional)

Post Relacionado
Arroz e Grãos

Arroz com Lentilha

Arroz com Lentilha
Comer lentilha é tradição no Ano Novo, mas esse prato é tão gostoso que vale ser experimentado em qualquer época do ano!
Preparo: acima de 45 minutos
Rendimento: 8
Ingredientes:
4 colheres (sopa) de azeite
1 linguiça portuguesa em rodelas finas
2 dentes de alho bem picados
2 xícaras (chá) de ervilha torta
1 1/2 xícara (chá) de lentilha cozida
4 xícaras (chá) de arroz cozido
Sal e pimenta a gosto
Cebolas:
2 colheres (chá) de azeite
1 colher (sopa) de manteiga
2 cebolas em fatias separadas em anéis
Preparo:
Aqueça o azeite e frite a linguiça, mexendo até dourar levemente. Adicione o alho e deixe dourar. Acrescente a ervilha partida em três pedaços e mexa, até que fique macia, porém firme. Junte a lentilha e o arroz. Misture bem e tempere a gosto com sal e pimenta. Reserve quente sobre uma panela com água fervente.
Cebolas: Aqueça o azeite e a manteiga e junte a cebola, mexendo até dourar. Sirva com o arroz.

Post Relacionado